Traduza para o seu idioma

quinta-feira, 8 de dezembro de 2016

Poema reflexivo

Não me conformo com as distâncias.
Mas acredito que as mudanças
podem ter um impacto positivo.

Mas tenho de confessar que dói,
quebrar aquilo que um dia foi
importante demais para mim.

Jovita Capitão, Rainha das Insónias.

quarta-feira, 7 de dezembro de 2016

Ganhei coragem e cortei o meu cabelo!



Queridos leitores e amigos da Rainha, finalmente ganhei coragem para fazer um corte de cabelo radical e eis aqui o resultado.

Não foi nada fácil para mim, visto que sempre fui muito apegada ao cabelo comprido, mas decidi que estava no momento de fazer esta mudança.

Nas fotos abaixo podem ver o antes e o depois. Tenho de agradecer à minha cabeleireira do costume que teve imensa paciência e que fez exactamente aquilo que eu queria. Obrigada Fátima! :)






Eu gostei. E vocês, gostaram?

terça-feira, 6 de dezembro de 2016

Mudanças

Mudanças. Quem nunca ficou com vontade de mudar alguma coisa? Ou quem nunca ficou com a sensação de que algo está a mudar? Tenho a certeza que também já aconteceu contigo.

As mudanças nem sempre são más. Em certos momentos até podem ser boas, no sentido em que te tiram da mesma rotina de sempre e te dão um mar de possibilidades. Mas, também existem aquelas mudanças exteriores, que não estás à espera e que te esmagam por segundos e até por vários meses.

Posso dizer-te que estou a passar por esses dois tipos de mudanças. Por um lado quero mudar e preciso de mudar. E estou a fazer algumas coisas que têm de ser feitas para que seja mais fácil mudar. Por outro lado, têm acontecido ultimamente coisas que não consigo controlar, mas que estão intimamente relacionadas comigo e com pessoas próximas. Estas últimas, estão a deixar-me com o cabelo em pé e com insónias mais longas.

Eu sei que estamos a fechar um ano para começar outro. Eu sei que 2017 até pode ser melhor ( TEM DE SER MELHOR), mas aquela sensação estranha que algo de mau está prestes a acontecer, também não sai da minha cabeça.

Este ano, passo o Natal sozinha. Não que eu queira que seja assim, mas porque as circunstâncias me obrigam. Há dois anos atrás também foi assim. Sim, eu sei que sobrevivi. Mas custa. Lá isso, custa!

A passagem de Ano, espero que corra melhor. Acho que mereço levar para 2017 boas energias e as pessoas que eu amo. Certo? Certo!

As mudanças que farei entretanto têm a ver com o desapego de certas coisas que não me fazem bem. Quero livrar-me de alguns itens do passado que já não fazem qualquer sentido. E quiçá, mudar de casa em 2017. Já deitei centenas de coisas para o lixo. Depois de o fazer, ainda sobrou alguma culpa. Mas, para ser sincera, não me faziam falta nenhuma. Até porque eu já me esqueci das coisas que descartei.

Vamos lá começar a despedida de um ano menos favorável e dar as boas-vindas a um novo ano cheio de conquistas!

segunda-feira, 28 de novembro de 2016

Mensagem aos meus leitores

Queridos leitores e amigos da Rainha, há alguns dias que aqui não vinha dar as boas noites. Os últimos dias não têm sido fáceis para mim, tanto a nível pessoal, tanto no campo profissional. Ando atarefada com diversas coisas nas quais não tenho forma de controlar e isso deixa-me sem vontade de escrever, até por não ter nada de interessante para vos dizer.

Acontece que estou a passar por diversas mudanças que estão a distanciar-me daquilo que gosto de fazer, mas também sei que estas dores são temporárias e que tudo passa, o bom e o mau acabam por passar quer eu queira, quer não queira.

E assim têm sido os meus dias, divididos entre o negócio que faço há algum tempo ( na última semana não tive tempo para me dedicar como gostaria de ter feito) e iniciei um novo projecto que ainda não vou revelar até porque eu não sei se me vou adaptar ou não. Daqui a um mês, falamos melhor sobre o assunto.

Quanto à escrita, está em estado de hibernação por enquanto porque o tempo que tenho é limitado e não me permite vir aqui tão frequentemente como o fazia. Mas faço questão de vir aqui sempre que me seja possível, até porque mais do que um Blogue, a Rainha das Insónias é como um filho que precisa de atenção. Espero conseguir resolver aquilo que pretendo o mais rapidamente possível para voltar à rotina literária.

domingo, 20 de novembro de 2016

Aranha suspensa

A aranha estava suspensa no ar
e eu fiquei admirada a contemplar
as acrobacias que ela fazia.

Desceu por um fio de nylon
para me cumprimentar,
E voltou elevar-se no ar.
Com ares de fantasia.

Subiu a teia que tecera
e onde também se perdera
naquela dança acrobata.

Fiquei a vê-la à distância
com um sorriso no rosto
pensando se a voltaria a ver
naquela posição improvisada.

Jovita Capitão, Rainha das Insónias.

Eu e as Sevilhanas


Queridos leitores e amigos da Rainha, ontem foi dia de cultura e novamente degustação de alguns produtos naturais que comercializo.

Encontrei estas meninas "sevilhanas", que dançaram muito bem e aproveitei para a foto da praxe. Foi uma tarde divertida que passei na Charneca da Caparica.

Este é um espaço de cultura e de muita animação. A população local está sempre pronta para estas coisas e eu também, apesar de não ser desta zona. Mas gosto de conhecer este tipo de espaço porque aprendo com as pessoas e convivo com quem também gosta de cultura.

Espero voltar lá em breve.


quarta-feira, 16 de novembro de 2016

Eu sou como o sol. Não desisto de sonhar.

Em cima da corda percorro a distância
entre o que fui e o que sou na realidade.
Fixo o meu olhar num ponto em frente
certa que se não o fizer, vou descambar.

O medo que toma conta de mim
gostava de me ver lá em baixo.
Mas eu não deixo que isso aconteça.
Olho de frente para ele para que se desvaneça.

Lá em baixo os leopardos estão de bocarras abertas
prontos para devorar a presa indefesa, que sou eu.
Não dou tréguas aos meus impulsos e continuo.
Pé ante é, não recuo. Continuo em frente, devagar.

Dizem que sonho alto, mas não me importo.
Deixo os cães ladrar lá em baixo.
Não me importo com o embaraço.
O destino leva-me para outro lugar.

Cá em cima, consigo ver o mar.
E a lua e as estrelas a dançar.
Consigo imaginar um mundo melhor.
Algo que me faça sentir mais calor.

Como o sol que teima em aparecer pela manhã.
E que nunca se cansa de brilhar.
Mesmo que no fim do dia não possa ficar.
Eu sou como o sol. Não desisto de sonhar.

Jovita Capitão, Rainha das Insónias´.

Cortar o Cabelo

Queridos leitores e amigos da Rainha, sempre fui uma pessoa muito conservadora em relação a cortes de cabelo. Já arrisquei algumas vezes, mas fico sempre com a sensação que perdi algo muito meu e desato a chorar como um bebé. Mas às vezes as mudanças fazem-nos bem e como estou a entrar numa nova fase, também podia ter um novo cabelo.

Sinceramente já pensei corta-lo bem curto, mas tenho medo de me arrepender depois. Ando desde o verão a pensar no assunto e acho que chegou a hora. Tenho visto alguns sites para me inspirar e vídeos no you tube sobre as tendência para 2017. Gostei de um estilo que se chama long-bob.

O estilo long-bob é um corte de cabelo curto, mas ao mesmo tempo feminino. É um corte versátil, adapta-se a todos os tipos de rosto e fica bem em qualquer tipo de cabelo.

Tirei alguns exemplos da internet para ver se vocês gostam. Espero as vossas opiniões.




segunda-feira, 14 de novembro de 2016

Clamor da Mudança

Que este caus onde me encontro
me dê coragem para mudar tudo.
Deixar para trás velhos costumes
e histórias que já não me interessam.

Quero ser uma nova pessoa
deitar-me sobre as brumas do pensamento.
Reflectir se todo este tormento
tem algum sentido agora.

Quero mais do que vejo.
Mostrar ao mundo o meu desejo
da loucura que habita em mim.
Quero pensar mais em mim.

Quero dizer adeus a quem não me acrescenta.
Livrar-me das amarras que ainda me restam
Suplicar aos céus uma nova vida.
Talvez ainda me reste uma saída.

Jovita Capitão, Rainha das Insónias.

sábado, 12 de novembro de 2016

Sei que não vou por aí

Queridos leitores e amigos da Rainha, há mudanças que têm de ser feitas. Quando um sapato já não serve, o melhor é deitar fora e arranjar outro que esteja em condições. Não digo isto no sentido literal mas no sentido figurado. Diversas vezes habituamo-nos à mesma rotina de sempre sem pensar se isso nos prejudica de alguma forma. É preciso virar a página do livro quando a história já não faz sentido na nossa vida. Ou mudar de livro. Acontece-me diversas vezes ter vontade de mudar de livro. E aí a história é outra. É preciso ter coragem para mudar tudo. Principalmente se esse tudo só nos faz mal. Desistir, nem sempre é uma palavra negativa. É preciso desistir daquilo que nos prejudica, daquilo que nos faz mal, daquilo que nos faz chorar, daquilo que nos irrita, daquilo que vai contra os nossos valores. Eu estou nessa fase. Aparentemente está tudo bem, mas existe algo cá dentro que me faz chorar, que me faz sentir angustiada, que me faz sentir que não faz sentido continuar por ali.

José Régio tem um poema lindíssimo no qual me revejo hoje.

Cântico Negro

"Vem por aqui" - dizem-me alguns com os olhos doces
Estendendo-me os braços, e seguros
De que seria bom que eu os ouvisse
Quando me dizem: "vem por aqui!"
Eu olho-os com olhos lassos,
(Há, nos olhos meus, ironias e cansaços)
E cruzo os braços,
E nunca vou por ali...

A minha glória é esta:
Criar desumanidade!
Não acompanhar ninguém.
- Que eu vivo com o mesmo sem-vontade
Com que rasguei o ventre à minha mãe

Não, não vou por aí! Só vou por onde
Me levam meus próprios passos...

Se ao que busco saber nenhum de vós responde
Por que me repetis: "vem por aqui!"?

Prefiro escorregar nos becos lamacentos,
Redemoinhar aos ventos,
Como farrapos, arrastar os pés sangrentos,
A ir por aí...

Se vim ao mundo, foi
Só para desflorar florestas virgens,
E desenhar meus próprios pés na areia inexplorada!
O mais que faço não vale nada.

Como, pois sereis vós
Que me dareis impulsos, ferramentas e coragem
Para eu derrubar os meus obstáculos?...
Corre, nas vossas veias, sangue velho dos avós,
E vós amais o que é fácil!
Eu amo o Longe e a Miragem,
Amo os abismos, as torrentes, os desertos...

Ide! Tendes estradas,
Tendes jardins, tendes canteiros,
Tendes pátria, tendes tectos,
E tendes regras, e tratados, e filósofos, e sábios...
Eu tenho a minha Loucura !
Levanto-a, como um facho, a arder na noite escura,
E sinto espuma, e sangue, e cânticos nos lábios...

Deus e o Diabo é que guiam, mais ninguém.
Todos tiveram pai, todos tiveram mãe;
Mas eu, que nunca principio nem acabo,
Nasci do amor que há entre Deus e o Diabo.

Ah, que ninguém me dê piedosas intenções!
Ninguém me peça definições!
Ninguém me diga: "vem por aqui"!
A minha vida é um vendaval que se soltou.
É uma onda que se alevantou.
É um átomo a mais que se animou...
Não sei por onde vou,
Não sei para onde vou
- Sei que não vou por aí!

terça-feira, 8 de novembro de 2016

Já fizeste os teus planos para 2017?

Queridos leitores e amigos da Rainha, hoje vamos falar de planos. Quais os vossos planos para 2017?
Eu já tenho os meus. Sei bem o que quero fazer para o ano que vem. E já estou a pensar nisso desde Setembro.

Vou enumerar aqui 10 coisas que pretendo realizar em 2017. Será que te revês em algum dos seguintes itens? Vamos ver!

1 - Liberdade Financeira

Esta é uma das coisas mais importantes para mim neste momento. Para além da escrita, sou trabalhadora independente. E é essa independência que quero manter. A vida tem um sabor diferente quando temos a liberdade de escolher o que fazer com a nossa vida. Por isso trabalho todos os dias para que no futuro tenha mais qualidade de vida e consequentemente, mais liberdade para fazer aquilo que gosto.

2 - Uma casa, um lar, uma família

Este é o segundo ponto que para mim é crucial. Já está na altura de procurar a minha casa ideal e com isso fazer planeamento familiar de forma a ser ainda mais feliz do que já sou.

3 - Livros

Quem me conhece já sabe que tenho uma enorme paixão pela Cultura e pela Arte e por isso a cereja no topo do bolo será publicar os meus livros. Aqueles que tenho há já bastante tempo a apanhar pó, à espera que alguém se interesse por eles. ( O meu perfeccionismo não me deixou avançar ainda neste sentido). Acredito que com aquilo que já tenho haja a possibilidade de crescer mais nesta área.

4 - Alimentação Saudável

Este ponto é importante para mim, visto que o meu negócio tem uma vertente na área da Nutrição. Quero aperfeiçoar-me para poder ajudar outras pessoas a fazer o mesmo de forma a melhorar a sua saúde.

5 - Melhorar o blogue

Já tenho planos para o blogue para o próximo ano. Mais posts, mais vídeos, mais interacção com o público e mais dinamismo. Aguardem o que aí vem! :)

6 - Mais eventos

Vou intensificar as idas aos Eventos em 2017. Quero conhecer mais pessoas, conhecer mais Artistas, aprender mais coisas nesta área e preparar também alguns Eventos aqui no blogue.

7 - Evitar pessoas tóxicas

Este ponto é mesmo importante quando queremos que os nossos projectos se realizem. Há inveja por todo o lado e pessoas negativas são aos montes, por isso quero evitar tudo aquilo que me faça mal. Só assim conseguirei ser feliz.

8 - Viajar

Gostava de viajar mais em 2017. Quero fazer pelo menos 3 grandes viagens ao longo do ano. Serei capaz de o fazer? ;) Veremos!

9 - Ajudar pessoas

Eu gosto de ajudar. Sempre gostei. E no negócio que desenvolvo é muito fácil ajudar pessoas. Não no sentido de lhes dar a cana, mas por ensina-las a pescar. E assim continuarei a fazer! :) Quem será que vem comigo nesta aventura?

10 - Ser mais positiva

Em 2017 quero ser mais positiva. Acreditar mais em mim e naquilo que sei que consigo realizar. Pretendo ter mais calma e não me chatear tanto com coisas sem importância. No fundo, quero apenas ser feliz e viver mais o presente.

E tu? Quais são os teus planos para 2017?

segunda-feira, 7 de novembro de 2016

Sobre o fim-de-semana


Queridos leitores e  amigos da Rainha, foi assim que passei o meu fim-de-semana. Com muita poesia, música, teatro e saúde. Rodeada por amigos de longa data com quem tenho partilhado momentos fantásticos. Abaixo, deixo algumas imagens deste dia que culminou numa pequena amostra de produtos de nutrição da marca que represento. Que venham mais dias como estes!

sábado, 5 de novembro de 2016

A Saúde e a Cultura de mãos dadas



Queridos leitores e amigos da Rainha, este é o programa para hoje. Teatro, Música, Poesia e uma conferência sobre Saúde e Nutrição. Este Evento tem Início às 15h e a entrada é livre. 

Local: Auditório do Centro Comercial: O Pescador, Costa de Caparica.

sexta-feira, 4 de novembro de 2016

Hoje, durmo mais cedo.



Queridos leitores e amigos da Rainha, cheguei agora a casa, exausta mas feliz. Amanhã é o grande dia, onde a Poesia vai ser a Rainha da noite. Hoje, vou tentar dormir mais cedo para que as insónias não me apanhem desprevenida. Beijinhos para todos!

quinta-feira, 3 de novembro de 2016

Morcego ou Coruja?

Como os Morcegos saio voando
e pela noite vou contemplando
aquilo que os outros não vêem
porque dormem profundamente.

Como as Corujas assobio
em todo o lugar sombrio.
Vigiando toda a noite
Até a lua adormecer.

Tenho a lua por companhia
e escrevo com alegria
até a noite virar dia.
Até a lua empalidecer.

Se eu pudesse viver à noite
seria para sempre mais forte.
Sei que seria diferente.
Seria deveras inteligente.
Entregue à minha própria sorte.

Jovita Capitão, Rainha das Insónias.

Fernando Pessoa - Estudando os seus poemas


Queridos leitores e amigos da Rainha, esta noite deu-me para pesquisar sobre os poemas do Mestre Fernando Pessoa. Grande Poeta Português, de uma época bastante longínqua, mas que exerce um grande poder sobre nós, poetas da nova geração.

Na próxima Sexta-feira, a primeira do mês, realiza-se a habitual Tertúlia de Poesia, mas desta vez vai ser um pouco diferente. A Tertúlia vai estar centrada no Poeta Português, Fernando Pessoa. Por isso é que andei a pesquisar para que possa levar alguma informação interessante e diferente que acrescente valor à Tertúlia.

Foram vários os poemas que senti vontade de apresentar, mas não posso ler todos aqueles de que gosto. Vou escolher apenas dois e acrescentarei ao cardápio, mais dois ou três que sejam de minha autoria e que façam todo o sentido para aquele dia.

A dificuldade prende-se na escolha, pois gosto de vários. Já vos disse que Fernando Pessoa é um dos meus Poetas preferidos?

Já transcrevi para o meu caderno os que me fazem mais sentido: Autopsicografia, Liberdade, Segue o Teu Destino, Isto, Durmo ou não?, Para ser grande sê inteiro,... Quais é que hei-de escolher? Isso é que eu gostaria de saber. Conseguem dar-me uma ajuda? Qual o poema de Fernando Pessoa que vocês mais gostam?

terça-feira, 1 de novembro de 2016

Adeus Feriado, recomeça a rotina!

Boa noite queridos leitores e amigos da Rainha, que tal esse feriado? Foi bom? Espero que sim. Espero que tal como eu, tenham carregado baterias para este mês que acaba de iniciar.

Amanhã vou estar a trabalhar no sítio do costume juntamente com a minha habitual equipa. Sinto-me cheia de vontade de colocar em prática algumas ideias que foram germinando durante os últimos dias.

Ainda nesta semana, na próxima Sexta-feira temos Tertúlia de Poesia e no Sábado temos um Evento Cultural no mesmo local, no Auditório do Centro Comercial, O Pescador. Apareçam! :)

A Ferro e Fogo!

No teu corpo escrevo o meu nome
a ferro e fogo para não sair.
Espero que retribuas cedo
para que não queira de ti fugir.

Vi a lua e as estrelas
naquela noite de luar.
Que elas sejam testemunhas
daquilo que entre nós se passar.

Jovita Capitão, Rainha das Insónias.


Novembro


E começou mais um mês onde temos a esperança de mudar tudo!

Acredito que é possível melhorar qualquer coisa, desde que as pessoas estejam realmente dispostas a isso. E normalmente diz-se que em cada mês, existem pelo menos 30 oportunidades para se conseguir realmente fazer a diferença. Que Novembro seja o mês das conquistas felizes!

domingo, 30 de outubro de 2016

Resumo dos Power Days

Queridos leitores e amigos da Rainha, hoje quero mostrar-vos o resultado dos anunciados Power Days. Espero que gostem! :)










sábado, 29 de outubro de 2016

Gostam de perfumes?

Muitas pessoas gostam de receber perfumes nesta altura do ano. Fragâncias quentes, cheiros intensos, perfumes mais doces... E tu, como gostas do teu perfume?

Estas são apenas algumas sugestões que ficam bem em qualquer casa! E que tal oferecer uma prenda destas a alguém? ;)




Como vai ser o vosso Natal?


Queridos leitores e amigos da Rainha, visto que o Natal está aí à porta, gostava de saber o que vão fazer nesta época, precisamente este ano. Como é que vai ser o vosso Natal? Já pensaram nisso? Costumam preparar as coisas com antecedência, ou deixam tudo para o último minuto? Vá, contem-me tudo. Pode ser que tenham uma boa surpresa! ;) Sejam criativos! Enviem as vossas ideias e sugestões para o meu email: jovitacapitao85@gmail.com.

Tertúlia Poética - Descobrindo Fernando Pessoa


Queridos leitores e amigos da Rainha, no próximo dia 4 de novembro realiza-se a habitual Tertúlia de Poesia no Auditório do Centro Comercial O Pescador na Costa de Caparica. Esta Tertúlia é alusiva ao Poeta Fernando Pessoa e todos os que desejarem podem participar. Entrada Gratuita.

Já escolheste as prendas para este Natal?

Queridos leitores e amigos da Rainha, resolvi voltar aqui, primeiro porque o sono não quer nada comigo hoje, e depois porque quero muito falar deste assunto com vocês. Já escolheram as vossas prendas de Natal? Eu sei que ainda falta algum tempo mas trago aqui umas sugestões que acho que vocês vão adorar!

Como muitos já sabem, há 2 anos que eu trabalho com uma marca que comercializa produtos naturais de alta qualidade e que é conhecida por utilizar uma planta medicinal muito conhecida chamada Aloé Vera.

O Aloé Vera tem propriedades que regeneram o nosso corpo, tanto por fora, como por dentro. Então, esta é a minha sugestão número 1:

Oferece Saúde!


Na mesma empresa, além da Saúde e da Nutrição ser extremamente importante, também nos preocupamos com a auto-estima. Por isso, essa é a minha sugestão número 2:

Oferece Auto-Estima


Como não há duas sem três, a minha terceira e última sugestão, vai para o conforto nos dias mais frios. Esta manta polar é tão fofinha que vai ajudar à preguiça de muita gente. Mas paciência. É o bem-estar que sai beneficiado. Sugestão número 3:

Oferece Conforto.



E são estas as sugestões de Natal da Rainha para 2016. Espero que tenham gostado das sugestões e que de certo modo vos tenha ajudado na escolha. Caso queiram adquirir algum destes produtos basta falarem comigo através do blogue, do facebook ou através do meu contacto pessoal : 926321035.

Atenção que há possibilidade de envio para outros países da Europa. :)

Uma insónia para renovar as forças!

Boa noite! :) Descobri que a noite afinal não serve para dormir. Olha que bom!... Bem, continuo por aqui e espero também que vocês ( notívagos) também continuem desse lado. A Rainha das Insónias agradece! =D

Agora a sério. Existe coisa melhor do que poder escrever pela noite fora sem que ninguém nos chateie? Esta é uma das coisas que eu mais amo fazer na minha vida. Lá fora, está uma noite linda. Apesar de estarmos em Outubro, temos uma noite muito agradável. O silêncio está impecável para quem gosta de escrever.

Já que estou sem sono decidi escrever e por sorte consegui encontrar uma rede de wifi e aproveitei a oportunidade para voltar aqui. Vocês já sabem que não sou a mesma sem o blogue! :)

Sim, eu sei que os meus últimos posts foram um pouco afiados, mas teve de ser. Qual é a pessoa que não passa por momentos complicados na vida? Toda a gente passa por situações menos boas. E a melhor forma de resolver as coisas que me incomodam é escrever, escrever e continuar a escrever até sentir o alívio necessário para aquele momento.

Sim, a esta hora já começo a sentir fome. Como jantei cedo, o meu estômago já roca. Que tal um copo de bebida de soja e umas bolachinhas? É isso mesmo. Ah, é verdade. Há mais de 2 anos que não bebo leite de origem animal. E estou a sentir-me muito bem. Eu sempre sofri com asma, mas ultimamente não tenho tido uma única crise. O meu médico indicou-me bebida de soja, bebida de arroz, bebida de amêndoa. E eu segui à risca. Valeu a pena! :)

Apesar de ter uma parte da minha vida de pernas para o ar. Neste momento estou a sentir-me um pouco melhor. Fez-me bem desabafar com o espelho, fez-me bem ouvir os conselhos de uma amiga, fez-me bem ver vídeos no you tube sobre a minha situação e acabei por ficar muito mais calma. Era isso que eu precisava. Acho que mereço ser feliz. Ninguém tem o direito de te criticar, se depois não contribui em nada para a tua felicidade. És tu que tens de decidir o que fazer com aquilo que a vida te apresenta.

Queridos leitores e amigos. Muito obrigada por continuarem desse lado. Amo falar com vocês desta forma. A escrita é uma terapia e um modo de vida para mim. Sinto-me outra. Agora estou preparada para o meu sono de beleza que há muito que ficou esquecido porque há uns tempos para cá tenho dado mais atenção a quem não merece. Está na hora de me valorizar! Beijinhos e uma noite feliz para todos!

sexta-feira, 28 de outubro de 2016

Sobre a poesia

Queridos leitores, eu sei que alguns poemas meus são afiados como espadas, mas é mesmo assim que se faz poesia. Nem toda a poesia tem palavras bonitas. Nem todos os poemas têm finais felizes. Muitas vezes eles são concebidos na dor, na tristeza, no luto, na saudade. Por norma, gosto de escrever sobre a esperança. Mas em momentos de revolta nasce um novo eu que me pede para escrever aquilo que é menos agradável ao olho humano. Peço desculpa aos mais sensíveis. Quando comecei a escrever, com apenas 9 anos de idade, a vida era cor-de-rosa, por isso só conseguia escrever sobre coisas bonitas e sonhos. E até agora, consegui escrever assim. Mas já tenho 31 anos de idade. A minha vida mudou e tem diversas cores. As cores da alegria, as cores do cansaço, as cores da harmonia, as cores do embaraço, as cores da magia, as cores da desilusão. Por isso, cada poema é diferente. Cada poema vai buscar o sentimento presente aliado a algum acontecimento directo ou indirecto do meu dia-a-dia. Não se assustem, caso o meu humor mude de um momento para o outro. Isso faz parte de todos os poetas. A poesia não é uma ciência exacta, é apenas arte. Arte abstrata e por vezes literal daquilo que acontece à volta de um poeta.

Pedaço de terra que não serve para nada.

Pedaço de terra que se desfaz
numa canção de poetas crentes
que numa dança de serpentes
rastejam aos pés de Satanás.

Pedaço de terra batida
onde as lesmas habitam
descem ao ermo lentamente
bebendo do sangue da Serpente.

E porque assim é?
Para quê esta matança?
Será que não há mais prazer
no sorriso de uma criança?

Preferem matar, em vez de curar.
Preferem fazer chorar, em vez de levantar.
Preferem assassinar, em vez de amar.
Preferem esfolar, em vez de cantar.

Pedaço de terra que não serve para nada.

Jovita Capitão, Rainha das Insónias.

Caminho sombrio

Pelas trevas deste mundo
nasceu a lua para iluminar
este caminho tão sombrio
que não ouso nem falar.

Escrevo em silêncio
para não perturbar a fera
que há dentro de cada esfera
que habita cada ser humano.

Jovita Capitão, Rainha das Insónias.

Teatro, música e poesia

Queridos leitores e amigos da Rainha, no próximo sábado dia 5 de Novembro vai haver uma sessão de teatro, música e poesia no Auditório do Centro comercial "O Pescador".

Entrada gratuita.

Decisões

O meu mundo está de pernas para o ar. O que querem que vos diga? É assim, que costuma estar. Mas agora está pior. E está pior por quê, perguntam vocês. E eu explico. Há uns dias para cá que tenho tido dificuldade em aceder à internet e por isso não tenho conseguido vir aqui como vinha antes dessa situação. Por outro lado, a minha cabeça anda a 100km à hora à procura de respostas para as perguntas que teimam em fervilhar na minha cabeça. Recentemente, uma desilusão com uma certa pessoa fez-me abrir novamente os olhos para perceber que o mundo afinal não é cor-de-rosa nem pouco mais ou menos. E assim sendo, só me resta a escrita para me consolar de todo o desespero que se sente após perceber que as pessoas à nossa volta não são o que pensamos que elas verdadeiramente são. Em suma, não sei o que é pior. Se é descobrir a verdade ou ignorar a verdade sabendo que isso traz ainda mais consequências emocionais. Enfim, cabe-me tomar decisões drásticas. Serei eu capaz disso?

quinta-feira, 20 de outubro de 2016

Uma insónia

Sabes aquela sensação de fome, que não é realmente fome, mas que te obriga a caminhar todas as noites para o frigorífico? Pois bem. Esta noite estou assim. Não consigo dormir e o estômago ronca, não de fome, mas de ansiedade.
Parece-me que quando fecho os olhos para tentar dormir, vêm mil ideias na minha cabeça. Não consigo sossegar. Estou realmente inquieta com a realidade.
Está tudo bem! Digo para mim própria à espera que o meu cérebro acredite nisso mesmo e me deixe descansar. Mas acho que ele percebeu a minha ideia e não me levou realmente a sério. Continuo acordada como se fosse perfeitamente normal estar de olhos bem abertos a esta hora.
Lá fora, o silêncio reina. Cá dentro, a agitação mantém-se. Já fiz de tudo para conseguir dormir, mas sem êxito. Acabei por escolher a escrita como refúgio a ver se é desta que consigo sossegar.
E vocês? Costumam ter noites assim? O que fazem nestas ocasiões?



Arquivo do blogue